Dicas para o sucesso do Conhece-te. Confia. Conquista

Dicas para que o “Conhece-te. Confia. Conquista” seja um sucesso para ti.

Para acelerar o seu impacto positivo, quero aqui deixar dicas para o sucesso do “Conhece-te. Confia. Conquista” . Que assim o seja para clientes presentes, futuros ou para qualquer pessoa que pondera iniciar (ou está em) algum processo de transformação/terapia.

Na minha experiência de Coaching comprovo as grandes diferenças entre os diferentes tipos de personalidade e a forma como todo o processo se desenvolve, tanto para mim, “Coach”, como para vós, “Coachees”.

Estas dicas são possíveis “mindsets” que cada um dos tipos de personalidades utiliza mais na sua experiência de vida e que aceleram ou travam as suas caminhadas rumo à sua melhor versão, ou transformação positiva da esfera pessoal a trabalhar.

É minha esperança que os clientes de cada tipo possam usar a experiência de coaching e as suas reações ao coaching em si, como um guia para o seu desenvolvimento contínuo.

Para esse efeito aqui partilho uma descrição breve de cada tipo de personalidade:


Os clientes e os seus Eneatipos

Descrição breve dos Tipos do Enegrama

CLICA AQUI PARA GUARDARES UMA CÓPIA

(Na tua cópia, clica nas descrições para teres acesso aos vídeos onde descrevo brevemente cada tipo!)


Utilizarei a expressão “Cliente” e os números de 1 a 9, para descrever as personalidades do Eneagrama e as suas tendências naturais em contexto de Coaching/Terapia, tal como as observo e comprovo nos meus processos.


Dicas para o sucesso dos Tipos Instintivos, 8, 9 e 1

Os 3 Tipos Instintivos

Os Instintivos


Dicas para o/a Cliente Tipo 8

Sê paciente, e aprende a ter, paciência no processo de coaching. A ação pode não ocorrer imediatamente e, se acontecer, pode não ser o caminho mais sábio a seguir.

Está disposto/a a compartilhar o teu lado mais vulnerável comigo. Assume esse compromisso continuamente, trabalhando constantemente na tua capacidade de ser mais auto-revelador/a. O que nos vai ajudar a estar mais confortáveis ao fazê-lo e poderás reconhecer que a verdadeira força vem de sermos totalmente humanos. Isso inclui sentires-te forte e também permitires-te sentir vulnerabilidade.

Certifica-te que escolhes um Coach que não se sinta intimidado por ti, mas lembra-te que a força pessoal vem de várias formas. Atenta (e resiste) à necessidade de me “testares” nos primeiros estágios do processo.(Conscientemente, pelo menos, ;))


Dicas para o/a Cliente Tipo 9

Escolhe um Coach que te ajude a manter o foco na agenda central do processo.

Se te sentires irritado/a ou frustrado/a a qualquer momento durante as sessões ou se tiveres opiniões fortes sobre algum tópico em discussão, (por favor) corre o risco de discutir esses pensamentos e sentimentos comigo. Esta é uma excelente prática de comportamento que desejarás incorporar em outras áreas da tua vida, fora do coaching.

Trabalha em parceria comigo para definires prazos e resultados finais claros, rigorosos e as metas esperadas do coaching. Assim, tu e eu podemos responsabilizar-nos pela obtenção dos resultados que dizemos querer atingir.


Dicas para o/a Cliente Tipo 1

Se ficares desanimado/a com algum feedback que recebes, lembra-te de que a reação à crítica percebida é uma área de crescimento para a maioria das pessoas tipo 1. Fica atento/a quando te tornas autocrítico/a ou entras em comportamentos defensivos, para evitares sentir-te como se tivesses feito algo terrivelmente errado. Permite que eu te ajude com essa reação (tão natural dos Tipo 1), caso ocorra.

Tem em mente que o tempo investido nas sessões é de grande benefício, mas que leva tempo até se verem resultados mais duradouros. É muito provável que tu tenhas resultados positivos em vários momentos do processo, mas o impacto de maior influência pode não ocorrer até ao fim do processo de coaching.

Permite também que eu assuma igual responsabilidade pelo sucesso do programa, em vez de sentires que apenas tu és responsável pelos resultados. Quando tu compartilhas a responsabilidade, podes relaxar mais um pouco e compartilhar o controle do processo comigo. (bastante desafiante para Tipos 1)


Dicas para o sucesso dos Tipos do Coração, 2, 3 e 4

Os Emocionais

Os 3 Tipos do Centro do Coração


Dicas para o/a Cliente Tipo 2

Aproveita o tempo do processo para ti mesmo e dá-te o presente de trabalhares no teu próprio desenvolvimento. Fá-lo em vez de te concentrares em como podes fazer mais pelos outros. Este será um grande marco de desenvolvimento para ti, prometo.

Permite que outra pessoa, neste caso, o teu coach – eu –  faça algo por ti sem a sensação de que deves fazer algo em troca. Quando sentires que deves fazer algo para demonstrar a tua gratidão, expressa os teus sentimentos positivos. E isto em vez de tentares cuidar do teu coach de alguma forma. (nada de prendas, ;))

Sabe desde já que algumas das coisas que vais descobrir durante o Conhece-te. Confia. Conquista  podem não ser compatíveis com a maneira como gostas de te perceber, esse teu “eu ideal”. Reconheceres as áreas que tu podes e deves desenvolver é parte do processo de autodesenvolvimento e transformação.


Dicas para o/a Cliente Tipo 3

É muito provável que queiras usar o “Conhece-te. Confia. Conquista” para aumentares as tuas habilidades e teres mais sucesso. Mas o mais provável é que o teu verdadeiro autodesenvolvimento venha da análise do porquê isso ser tão importante para ti. Além disso, explora como defines sucesso, trabalhando comigo, o teu coach, para expandires a tua compreensão do que isso é para ti.

Certifica-te que tens abertura (rapport) comigo, compartilhando sentimentos positivos e negativos, bem como sucessos e fracassos. A tua tendência a não discutires a tua ansiedade, tristeza e outras áreas onde não sentes confiança limitará os resultados positivos que podes conseguir com o coaching.

Diminui o teu ritmo o suficiente para que tenhas tempo de conhecer e experimentar a tua vida interior mais plenamente. Não dependas apenas das sessões de coaching para essa auto-reflexão; constrói e desenvolve-a na tua vida diária.


Dicas para o/a Cliente Tipo 4

Atenção máxima ao escolheres um coach. Tu poderás ser atraído/a por alguém com quem te vais conectar facilmente. No entanto, o melhor coach para te ajudar a crescer poderá ser alguém muito diferente de ti, que provavelmente será muito mais objectivo.

Se por vezes sentires que eu não te compreendo, pára por um momento e pergunta-te: entendo o meu coach e o que ele está a perguntar ou a oferecer? Isso muda o teu foco de procurares ser entendido/a para o de entenderes o outro.

Lembra-te de que o equilíbrio emocional é uma das áreas mais úteis para te desenvolveres. Como tal, é importante que te esforces pela objectividade e pelo  equilíbrio ao trabalharmos com as variadas questões levantadas durante o processo. Quando começares a ficar intensamente emocional e sentires que és as tuas emoções, pede-me ajuda e orientação.


Dicas para o sucesso dos Tipos Mentais 5, 6 e 7

Os Mentais

Os 3 tipos mentais


Dicas para o/a Cliente Tipo 5

Esforça-te ao máximo para estares ciente e expressares as tuas emoções durante as sessões de coaching. As sessões são ideais para se experimentarem novos comportamentos. Não te vais sentir à vontade no início, mas irás melhorar com a prática.

Como um “subprocesso” para o teu processo, considera como sobrevalorizas alguns dos teus atributos. E ao mesmo tempo estás a subestimar outras habilidades e talentos que possuis.

Faz deste um dos teus objetivos de coaching: uma auto-imagem mais realista e objectiva. E também a vontade de mostrares mais quem és aos outros.

Pode levar algum tempo até confiares plenamente em mim, como teu coach. Contudo o processo de construção dessa confiança irá fornecer informação valiosa! Sobre os problemas que tens em confiar nos outros, construir relacionamentos íntimos e aprender a precisar ou depender de outra pessoa.


Dicas para o/a Cliente Tipo 6

É importante encontrares um coach com o qual te sintas à vontade para discutir as tuas preocupações e temores. Mas é mais importante ainda encontrares alguém extremamente prático e voltado para a acção. Isto porque te ajudará a ires além da “paralisia por análise” que como bem sabes, te impede de agir.

Tenta usufruir da nossa experiência de coaching. Tu podes relaxar o suficiente para o fazeres, se focares a tua poderosa mente para tal. Diz a ti mesmo: “eu posso ficar tenso/a mais tarde, se quiser. Agora, deixa-me apenas ver o que acontece”.

Observa as tendências em que possas ter de colocar o teu destino, resultados e futuro nas minhas mãos, e certifica-te de que assumes os teus 50% da responsabilidade pelo resultado do processo. Isso irá dar-te confiança na tua própria autoridade e orientação internas.


Dicas para o/a Cliente Tipo 7

Mantém todas as tuas reuniões numa agenda; sê pontual ou, melhor ainda, chega cedo. E se estás atrasado/a, pergunta o que realmente te está a causar o atraso. O que estás a pensar, sentir ou a evitar? Partilha isso comigo em vez de ofereceres justificações e racionalizações para o motivo pelo qual estás atrasado/a.

Fica no processo de coaching, mesmo que desejes terminá-lo. Se decidires terminar o relacionamento de coaching, discute isso comigo antes de o fazeres e está aberto/a para aquilo que podemos descobrir.

Embora possa não te soar bem, tenta discutir detalhadamente comigo as experiências e situações em que tu sentes medo, nervos ou tristeza. Esta linha de comunicação irá ajudar-te. Assim desenvolverás mais força para lidares com questões difíceis e será um contrapeso mais realista ao teu usual optimismo.


Conto que esta informação tenha sido útil para ti, quer estejas em algum processo de desenvolvimento pessoal ou não.

É meu dever ajudar-te a tomares consciência de duas coisas:

  • Tu podes SER sempre melhor
  • Existe um caminho claro para o SERES

Muito sucesso e transformação, para todos.

Entra em contacto já: 938 458 987

Ou

Marca a tua sessão aqui

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.