Voltar a O ENEAGRAMA

Tipo 3 – O Motivador

Tipo 3 – O Motivador

Características Principais

• Foco de atenção numa imagem de sucesso,

• Indivíduos destemidos, determinados e extremamente focados em objetivos e resultados,

• Sensação de que nada se concretizará sem a sua participação,

• Lutam com uma forte necessidade de aprovação e reconhecimento,

• O contacto com as suas próprias emoções fica suspenso para que nada possa interferir na obtenção de performance e resultados,

• Aprenderam a adaptar-se com naturalidade às situações e ao meio que os rodeia,

• Vivem a sua vida a um ritmo claramente mais acelerado que os outros,

• Mais centrados naquilo que fazem e na imagem que aparentam, e menos nas suas verdadeiras vontades ou desejos,

• Conseguem ser pouco tolerantes com pessoas que manifestem emoções,

• Têm uma habilidade única a negociarem, como se estivessem equipados com um sonar especial,

• Ajustam-se com uma competência notável, compreendendo a flexibilidade e o momento da pessoa com quem interagem.


Mais em detalhe

As pessoas que se identificam com a personalidade Tipo 3 desenvolveram o seu foco de atenção no sucesso e autopromoção de uma imagem de bem-sucedido. Caracterizam-se por se identificarem como individuos destemidos, determinados e extremamente focados em objetivos e resultados.

Intimamente, escondem uma sensação de que nada se concretizará sem a sua participação. A um nível menos consciente lutam com uma forte necessidade de aprovação e reconhecimento.

Ainda que sendo uma personalidade emocional, o contacto com as suas próprias emoções fica suspenso, com o intuito de que nada possa interferir na obtenção de performance e resultados.

Existe uma procura permanente, ainda que pouco consciente, por receber esta aprovação exterior.

Por esse motivo, a imagem de bem-sucedido pode variar consoante o modelo que melhor encaixe na figura esperada por aqueles que serão o garante desse reconhecimento.

Pela sua necessidade de sucesso, aprenderam a adaptar-se com naturalidade às situações e ao meio que os rodeava, recebendo muitas vezes a alcunha de “camaleões”.

Pessoas com personalidade Tipo 3 vivem a sua vida habitualmente a um ritmo claramente mais acelerado que os seus pares, com um foco muito natural em metas – habitualmente de curto prazo – e na sua medição constante, normalmente manifestando uma certa vaidade com o seu desempenho.

Este processo de competição e medição dos seus resultados com os outros membros da equipa, denota uma fixação em manter uma necessidade de reconhecimento baseado no mérito.

Um outro aspecto muito significativo nesta personalidade prende-se com uma forte necessidade de identificação.

O seu valor percepcionado está mais centrado naquilo que faz e na imagem que aparenta, e menos nas suas verdadeiras vontades ou desejos.

Este processo é no entanto pouco consciente, e traduz-se numa forte identificação com as suas funções: pai ideal, mãe ideal, companheiro perfeito, executivo perfeito, atleta perfeito, etc.

De lembrar que o seu foco de atenção não está no “fazer perfeito” mas na concretização das expectativas de outros.

O Tipo 3 é o principal representante da energia ou inteligência emocional.

No entanto ele suspende a sua emotividade no sentido de superar metas e objetivos, mantendo uma componente extraordinariamente prática e objetiva.

De uma forma muito concreta, e paradoxalmente, o Tipo 3 consegue ser pouco tolerante com pessoas que manifestem emoções. É como se o seu centro emotivo não quisesse ver espelhada essa intensidade, que em si é tão forçosamente negada.

Importa notar que toda a carga emocional está a ser percepcionada e apenas não obtém autorização para ser expressa.

A componente emocional referida irá manifestar-se em outro aspeto muito característico da personalidade.

Ela reflete-se de uma forma pouco consciente na sua habilidade única de negociação.

Quando num processo deste âmbito, a personalidade Tipo 3 funciona como se fosse equipada com um sonar especial que lhe permite sentir intuitivamente o momento do seu interlocutor. Como se sente? Ansioso, desconfiado, irritado, feliz, entusiasmado? É este o momento da venda? Deverei esperar um pouco mais?

Nesse sentido, com naturalidade ajusta-se com uma competência notável, compreendendo a flexibilidade e o momento da pessoa com quem interage.

Se a essa capacidade juntarmos a necessidade de materializar o seu sucesso, vemos a determinante habilidade “predadora” que estes negociadores têm perante as suas fáceis “presas”.

Copy Protected by Chetan's WP-Copyprotect.